ATUALIZAÇÃO - 1º de março de 2021 - Atualizamos a versão do fórum e seguimos a procura de GERENTES DE COMUNIDADE.
Continuamos em fase "BETA".

REanalisando: Resident Evil 2 e RE2 Remake - Under the Umbrella

Todos os jogos da franquia Resident Evil. De 1996 até a atualidade.
Avatar do usuário
ricardoandretto
Equipe REVIL e Site Admin
Mensagens: 61
Registrado em: 07 Nov 2020, 03:39
Localização: Maringá - Paraná
x 1
x 17
Gender:
Contato:

REanalisando: Resident Evil 2 e RE2 Remake - Under the Umbrella

Imagem

O mundo de Resident Evil está em constante mudança, como comprovado pelos recentes remakes de Resident Evil 2 e Resident Evil 3. Então neste artigo há algumas das principais diferenças entre os originais e remakes.

Primeiro com o Resident Evil 2 Remake (2019)!

Zumbis

Quando jogamos RE2 Remake, a primeira coisa que nos vem à cabeça é "esses zumbis são durões". Eles nem sempre caem quando atiramos na cabeça e ter dois em um corredor apertado faz a gente pensar duas vezes sobre qual caminho seguir.

Quanto mais jogamos, mais nos acostumamos com os zumbis, mas vê-los renderizados com todos esses detalhes lembra o quão aterrorizantes eles podem ser!

Imagem

Com zumbis tão fortes, não me admira que a Delegacia de Polícia de Raccoon tenha sido tomada. O que torna tudo ainda mais inquietante é a forma que eles jogam o peso contra você. É um trabalho certamente muito duro.

Imagem
"Sai de mim! Não! Não... [o choro é livre]."

Marvin

Em seguida temos o condenado mentor de Leon S. Kennedy, Marvin. Falando do jogo clássico ou da nova versão, ele é um personagem icônico. Em ambos os casos, quando o jogador o encontra pelo Departamento de Polícia, ele está em um estado ruim.

Imagem

No remake, Marvin mostra um incrível senso de camaradagem ao preparar uma pequena tarefa para Leon aprender os nomes de seus oficiais (tentando não chorar aqui...).

Imagem

Ele se joga em todo aquele problema como um novato... que cara!

Quando jogamos RE2 Remake, nos perguntamos como um zumbi teria mordido Marvin bem no estômago, mas a resposta está em Resident Evil 3 Remake - se você ainda não experimentou, dê uma olhada!

Gun Shop Kendo

A famosa loja de armas de Raccoon City. No clássico Resident Evil 2 (1998), é um dos primeiros lugares que os jogadores visitam. No remake, você não visita até praticamente a metade do jogo.

Imagem

Essa área passou por uma grande reestruturação em RE2 Remake com um letreiro de neon, o que deixa difícil não saber a sua localização. A versão original era em um pequeno beco com um carro estacionado em frente da loja, o que fazia os fãs se perguntarem: "Como eles vão conseguir tirar isso daí?".

Imagem

Também havia um carro estacionado na parte detrás. Bem, boa sorte para quem tiver que tirar...

O dono da loja, Robert Kendo, é visto tanto no original quanto no remake e sua história é realmente trágica. Quer saber mais sobre Kendo? Jogue com ele em The Ghost Survivors, o adicional de RE2 Remake.

Ada

Imagem

Quando se trata de Ada Wong no remake, há uma grande diferença em seu visual. Com uma capa impermeável e óculos escuros, ela está realmente dedicada ao lance da espionagem (e ela é tão legal...).

No meio do remake, Ada aparece em seu vestido vermelho semelhante ao clássico. Quanto ao casaco, bem... alguém sabe o que aconteceu com ele?

Imagem

Você não ficou curioso, Leon? Quer dizer, talvez não seja o melhor momento para isso...

Por último, e não menos importante, Ada tem um brinquedinho novo no remake: seu visualizador.

Imagem

É um negócio de alta tecnologia.

Foto de Rebecca (novata em ascensão)

Imagem

A foto de Rebecca Chambers é uma das coisas que encontramos na sala dos S.T.A.R.S. em RE2 Remake. A imagem está um pouco diferente e a conseguimos de outra forma.

No clássico RE2, você tinha que pesquisar na mesa dos S.T.A.R.S. umas cinquenta vezes - aposto que quando as pessoas jogaram o remake, ficaram em frente a mesa e praticamente amassaram o botão de examinar!

Imagem

50...? Talvez seja 100 agora... então aperta o botão, aperta o botão, aperta o botão...

E é isso. Essas foram algumas das principais diferenças entre o clássico RE2 e o remake!

É claro que o remake é muito mais do que uma repetição do original - e você não precisa jogar a versão clássica para apreciar. Mesmo assim, é divertido ver o que mudou.

Este conteúdo foi originalmente publicado em inglês e na primeira pessoa no blog "Under the Umbrella" do Resident Evil Portal.

Fiz adaptações para que o conteúdo ficasse mais fluído aos fãs brasileiros.

Compartilhe as diferenças que você encontrou entre o clássico RE2 e o Remake aqui mesmo neste tópico!
Não sou um cara tão legal quanto pareço ser. Brasileiro 🇧🇷 com raízes italianas 🇮🇹. Henshin A Go Go Baby, como dizia o saudoso Joe, de Viewtiful Joe. Transforme-se e dê o seu melhor!
Avatar do usuário
Paperfish
Mensagens: 1
Registrado em: 01 Fev 2021, 11:22

Re: REanalisando: Resident Evil 2 e RE2 Remake - Under the Umbrella

Quando se trata de Remake, vale lembrar que o jogo precisa ter a originalidade do anterior refeita sempre respeitando eventos e pontos principais na história. Isso foi uma coisa que o Resident Evil 2 Remake não divergiu tanto do original.

Resident Evil 2 Remake é basicamente um jogo onde Leon e Claire vivem em universos paralelos onde eles passam pelos mesmos lugares e puzzles (Independente da campanha) só mudando os protagonistas e vilões secundários junto com a parte fora da R.P.D.

Visto isso, já posso dizer aqui que o jogo perde totalmente o sistema de "zapping". Daí você me pergunta o que é isso (ou não). Em Resident Evil 2 Original tanto o cenário A quanto o cenário B tinha suas diferenças, por exemplo, se um personagem pegasse um item ou ativasse algum mecanismo de proteção da delegacia, o outro personagem na próxima campanha não iria pegar o item ou iria ver que o mecanismo foi usado anteriormente causando sobrecarga.

O caminho até a delegacia. Cara, isso foi um baita de um erro que deixou muito a desejar, principalmente pra o RE3R. No cenário A (do original) você passa por uma rua até encontrar a loja de armas e pelos fundos da loja você sai numa viela e vai seguindo ruas até chegar pelo portão por do oeste da delegacia. Isso ajuda a introduzir bastante o jogo até você chegar na parte principal que é a delegacia.

Já no cenário B você passa por uma rua que vai direto a garagem da delegacia (Curto, poderia ser um pouco maior o que seria uma boa abertura pra o Remake explorar, mas nem isso foi feito no cenário A quanto mais no inexistente cenário B). Note que ninguém entra na delegacia pelo portão principal. Porque as ruas de Raccoon City que a Jill explora no terceiro jogo original leva ela até o portão principal da delegacia.

Agora vamos aos diálogos; primeiro que acontecem entre Leon e Ada no Remake. Basicamente é Ada mandando Leon ir embora nos dois primeiros momentos onde ele encontra ela.

Eles têm uma conversa apenas durante a saída da R.P.D. até os esgotos que é apenas ela falando sobre Anette.
No original ela conversa com ele inicialmente falando que está procurando o Ben (já chego nesse personagem) e pede ajuda pra o Leon. Diálogos e mais diálogos acontecem entre Ada e Leon mascarando o fato que ela trabalha pro Wesker.

Veja que não é só Ada pedindo pra Leon sair dali e beijando ele pra que ele pegue a amostra do vírus e simplesmente dar a ela. No original existem muitas razões plausíveis pra que Leon tenha algum objetivo em comum com a Ada exceto pelo fato dela ser gostosa e ter beijado ele (brinks).

Agora vamos ao diálogo com o Ben. Preciso comentar essa parte mesmo? No Remake o cara simplesmente fala que quer sair dali e chega o T-103 e explode a cabeça dele. No Original ocorrem muitos diálogos, você vê tenta ajudar a tirar o Ben da cela que inicialmente ele não quer sair dali por achar mais seguro (é ali que você escuta William Birkin pela primeira vez).

Só depois você vê que ele foi morto ou pelo Mr.X ou pelo William. Olha como o diálogo (não estou falando da atuação das vozes e sim do diálogo) é bem mais rico quando se trata do original.

Falando em morte, vamos a parte onde William infecta o Chief Irons no Remake. A morte dele é simplesmente ridícula, o monstro pula da barriga dele e você fica... Hum... Ok.

Diferente do Remake, no original William infecta ou o Ben se o cenário for Leon A ou Chief Irons se o cenário for Claire A. E a morte dos dois, meu amigo. Você sabe, você jogou. Ambos os personagens sofrem enquanto não aguentam mais e o monstro rasga o peito do Irons (ou Ben) de dentro pra fora. Isso sim é grotesco e digno de horror.

Mencionando o Chief Irons, a personalidade dele mudou drasticamente pra um delegado cuzão e só. Mas no original você via que ele era alguém que embora fosse um delegado, tinha algo muito estranho por trás. Não era alguém que fosse confiasse, mas saberia que podia contar com ele caso precisasse. Veja que personagens clichês sempre perde espírito quando são introduzidos em alguma história e o novo Irons é simplesmente patético.

Outra coisa que merece ser mencionado é algo que eu sinto na franquia que só aconteceu no Resident Evil 2 que era a mutação que o William Birkin sofria ao longo do jogo. Você podia ver isso em primeira mão quando a Claire e Sherry viam ele pela primeira vez nos esgotos e ele começava a sofrer uma leve mutação a partir dali antes de enfrentar o Leon no cenário B (Que só era visto pela Claire no cenário A). Pouco a pouco as mutações dele eram mostradas entre o cenário A e B dos respectivos personagens, o que introduzia bem como os estágios de infecção estavam aumentando.
"Never again."
Responder